10.11.05

Confusão dos Relógios

Sempre, desde que mundo é mundo existiram dois opostos: a direita e a esquerda. Normalmente usados como pontos de direção, de localização... Uma jamais poderia ser confundida com a outra... Uma era um lado e a outra, o outro. Quando criança aprendi na escola que a esquerda era a que ficava meu relógio e a direita a da mão que eu usava para escrever. Mas com o passar do tempo essas duas coisas se tornaram relativas. Descobrir ao viajar pra outros lugares ou até mesmo ao conhecer outras pessoas que seus relógios podiam ficar na direita. E ainda que muitas pessoas usavam uma mão para escrever que não era a memsa que a minha, ou seja, a esquerda. Se não bastassem essas confusões na cabeça, depois de mais um tempo comecei a ouvir dizer que esquerda e direita era coisas importantes no cenário nacional. Mas como?? O Brasil estaria com algum problema com os relógios, ou seriam dificuldades para escrever? Me explicaram então que o governo dependia da direita, da esquerda e porque não dizer tb do centro! Poxa... como duas palavras opostas podem ter essa importância?! Me interessei pelo assunto. Foi aí que me disseram, na época, que a direita estava no governo... cobrando impostos, deixando crianças fora da escola, vendo o povo passar fome... Não gostei da direita. Resolvi então que queria ser da esquerda. Eles eram a oposição. Defendiam o emprego, a educação, a segurança pública, a justiça social. Me conquistou... Sim eu era esquerda. O centro? Nunca entendi bem seu papel. Talvez não ser esquerda nem direita...
Pois bem... desde então me juntei aos que queriam a "nossa" esquerda governado e colocando em prática o oposto do que acontecia. Depois de anos de tentativa... "conseguimos"! Fomos para o Planalto Central. Chorei na frente da "telinha", me emocionei com a conquista. "Sim a partir de agora tudo seria diferente... Era a esquerda!"... Passaram dias, meses, anos... e hoje me sinto cada vez mais confusa. O que era esquerda hj parece estar na direita. E o que era direita promete as idéias que eram da esquerda...
Nossa... como era mais fácil quando era criança e imagnava a direita e a esquerda como duas direções e apenas me preocupava com a confusão dos relógios....
..... Preciso rever meus conceitos.....

Sim eu sou politica e ainda acho que sou esquerda... dependendo do que vc vê como esquerda hj!!!

5 comentários:

Anônimo disse...

que orgulho tenho de vc...se pudesse medir não haveria tempo nem espaço.vc é td...te amo,beijos.

tigresse disse...

e eu ainda acho que a verdadeira esquerda não chegou ao poder. traduziu muito bem o que eu mesma senti. e o que não tô sentindo agora. :*

Jack Pai disse...

acho que quando uma esquerda sobe ao poder cria-se outra esquerda, mais à esquerda. então tudo o que está a direita da nova esquerda passa a ser direita.
maravilhoso, filhota!! muito bom mesmo!!
o orgulho do papai!

aninha disse...

nossa amandinha, este texto foi muito bom de ler, pq vc soube fisgar no inicio, brincando apenas com os conceitos, eu, que nao sou politizada e tal, normalmente nem leio textos que começam sobre politica (pode me chamar de tapada, do escambal, mas nao vou mentir :P ). mas se todos textos soubessem me fisgar antes com um jogo de sentidos e palavras, eu leria sim até o fim, como fiz com o seu.
beijinhos

Mariah Menezes disse...

Olha... vim aqui pra ver se tinha texto novo e resolvi ler esse seu texto mais uma vez... e vi tb que num comentei né... ainda mais esse texto que eu achei o máximo!! muito bom... a forma como vc aborda o assunto ficou muito legal... essa é a minha jornalista preferida!
Querida, beijinho pra vc!!